A moda do Vampire Facelift

lifting

Popularmente conhecido como Vampire Facelitf, o tratamento que é febre nos Estados Unidos – promete acabar com rugas e firmar a pele com a aplicação do próprio sangue da paciente

Por Malu Bonetto

O Vampire Facelift, tratamento estético que está dando o que falar nos Estados Unidos, se assemelha ao preenchimento cutâneo, mas é realizado com o sangue da própria paciente. Sem a necessidade de anestesia, o procedimento consiste em retirar o sangue do braço da paciente para em seguida coloca-lo em uma máquina para acelerar sua coagulação e separar as plaquetas da célula vermelha. “Em seguida, coloca-se esse sangue em contato com cloreto de cálcio ou trombina para  formar o plasma Rico em Plaquetas (PRP) que, ao ser injetado estimula a formação de novas células no local desejado, assim como a produção de colágeno na região”, explica a cirurgiã plástica Maria Júlia Norton (RJ). O procedimento, que dura aproximadamente 30 minutos, não é invasivo portanto não precisa de anestesia, seu efeito rejuvenescedor começam a aparecer em torno de três semanas e dura aproximadamente 15 meses. Ficou curiosa e já quer experimentar a técnica? É preciso esperar um pouco porque o procedimento apesar de ser aprovado pela Food and Drug Administration (FDA) está aguardando liberação da Anvisa.