Clube do Bilhão

O Clube do Bilhão
O Clube do Bilhão

O Clube do Bilhão – Ilustração Carlinhos: Müller

RANKING FORBES

Francisco Deusmar QueirozFrancisco Deusmar Queiroz

Origem do patrimônio: farmácia

Foi como sócio da Pax Corretora da Valores que Francisco Deusmar Queiroz conquistou seu primeiro milhão. Mas foi em 1981, quando abriu com um sócio a rede de farmácias Pague Menos, em Fortaleza, que ele faturou muitos outros milhões. Nascido no Ceará, foi durante cursos feitos nos Estados Unidos que ele se encantou pelas drugstores americanas, que vendem de balas a perfumaria. Com esse modelo, era possível vender remédios a um preço baixo, porque o lucro era compensado pelos demais produtos. Atualmente, além da rede Pague Menos, com mais de 800 lojas. Deusmar também tem uma emissora de rádio, uma empresa química, uma corretora de valores e é acionista do Banco BIC.


 

José Janguiê Bezerra DinizJosé Janguiê Bezerra Diniz

Origem do patrimônio: ensino

De engraxate à fundador e principal acionista da Ser Educacional, assim podemos resumir a trajetória profi ssional do paraibano José Janguiê. Depois de se tornar juiz do trabalho, passou a dar aulas na Faculdade de Direito de Olinda e, dois anos depois, criou um curso preparatório para concursos públicos. O sucesso foi tanto que, em quatro anos, ele fundou o BJ Colégio e Curso, que atende turmas desde educação infantil até pré-vestibular. Investidor no setor imobiliário, soma aproximadamente R$ 500 milhões em imóveis e comanda as faculdades Mauricio de Nassau e Joaquim Nabuco, ambas localizadas no Nordeste. O fundador e principal acionista da Ser Educacional tem uma fortuna estimada de US$ 1,1 bilhão, proveniente, principalmente, dos 70% que detém na sua companhia.


 

David Gary NeelemanDavid Gary Neeleman

Origem do patrimônio: companhia aérea

Foi com a fundação das companhias aéreas americanas Jet Blue e Morris Air que David Gary Neeleman começou nessa área. Já aqui no Brasil, em 2008, criou a empresa Azul Linhas Aéreas Brasileiras, hoje a terceira maior companhia aérea nacional, que detém 15% do mercado interno de aviação, índice consolidado com a fusão da Trip Linhas Aéreas em maio de 2012. Sua fortuna também aumentou com a venda de 5% da Azul para a United Airlines e com a compra de 61% da TAP, principal companhia aérea portuguesa.


 

Guilherme de Jesus PaulusGuilherme de Jesus Paulus

Origem do patrimônio: turismo

Em 1972, Guilherme Paulus fundou a operadora de viagens CVC e, em 2009, vendeu 64% da agência para o grupo Carlyle, transação estimada em R$ 1 bilhão. Com 25% da empresa e ainda no conselho da maior operadora de viagens das Américas e a terceira maior do mundo, Guilherme resolveu alçar novos voos e, em 2005, inaugurou a GJP Hotels & Resorts, que conta com um portfólio de 14 hotéis e resorts localizados em Maceió, Recife, Porto de Galinhas, Salvador, Aracaju, Foz do Iguaçu, Gramado, São Paulo e Rio de Janeiro. Para 2016, a meta é chegar a 22 hotéis e um faturamento de R$ 250 milhões.


Fernando Simões

Fernando Simões

Origem do patrimônio: logística

Em 1956, Júlio Simões fundou a maior transportadora de cargas do Brasil antiga Julio Simões Logística e atual JSL para transportar hortifrútis da cidade sede (Mogi das Cruzes) para as regiões próximas. A transportadora cresceu, passou a ser considerada Grupo JSL e hoje inclui a BGN Leasing (transferência em análise no Banco Central), CS Brasil que atua na limpeza urbana e coleta de lixo, e a Movida Rent, que loca veículos, comandada por seu filho, Fernando Simões.


Geninho Thomé

Geninho Thomé

Origem do patrimônio: implantes dentários

Atualmente o Brasil é o segundo maior mercado de implantes dentários do mundo, e não é à toa que há um bilionário nesse segmento. Há 22 anos, Geninho Thomé criou a Neodente, maior empresa de implantes dentários da América Latina. Nove anos após a fundação, ele vendeu 49% da companhia para o maior fabricante de próteses do mundo (Straumann), que arrematou os 51% restantes este ano. Com sede em Curitiba, a Neodente soma 22 unidades no Brasil, quatro no exterior, faturou ano passado cerca de R$ 258 milhões e, para o ano que vem, almeja o mercado internacional.

Atualmente, Geninho é presidente científico e membro do conselho de administração da Neodente, também investidor imobiliário e sócio da Pasqualotto & GT Empreendimentos, que tem como foco edifícios de alto padrão no Balneário Camboriú.


Angela Gutierrez

Angela Gutierrez

Origem do patrimônio: construção civil

Filha de um dos três fundadores da Andrade Gutierrez, Angela faz parte do conselho de administração do grupo, que tem grandes participações em projetos industriais, obras de infraestrutura, logística, mobilidade urbana, energia, telecomunicações, saneamento, saúde, óleo e gás. Mas não é só no ramo de construção civil que ela se destaca, nas artes doou sua coleção de mais de 12 mil peças para a criação do Museu de Artes e Ofícios de Belo Horizonte e criou o Museu do Oratório em Ouro Preto.


Ghislaine Dubrule

Ghislaine Dubrule

Origem do patrimônio: varejo

Com seu marido, Regis, Ghislaine fundou, em 1978, a Tok&Stok, maior rede de lojas de móveis e artigos para casa. Em 2012, especula-se que os dois resolveram vender 60% das empresas para o grupo americano Carlyle (dono da CVC e Ri Happy) por cerca de R$ 700 milhões, mas ficaram com 40% das ações da Tok&Stok.


Artur Noemio Grynbaum

Artur Noemio Grynbaum

Origem do patrimônio: cosméticos

Em 1986 ele ingressou no Grupo Boticário como assistente fi nanceiro e, 22 anos depois, se tornou presidente do grupo, que hoje inclui as marcas O Boticário – com portfólio de mais de mil produtos, incluindo cosméticos, maquiagem e perfumaria – Eudora, com mais de 600 produtos de perfumaria, cosméticos, maquiagem e acessório, quem disse, berenice?, com 500 itens de maquiagem em linha, The Beauty Box, que vende produtos da própria marca, além de sete mil perfumes e cosméticos de 60 marcas diferentes, em lojas físicas ou pelo comércio online.


Alexandre Birmann

Alexandre Birmann

Origem do patrimônio: calçados

Junto com seu pai Anderson, Alexandre é sócio majoritário da Arezzo, empresa de calçados queridinha das mulheres. Mas o que poucos sabem é que, na verdade, a empresa começou como uma fábrica de calçados masculinos em Belo Horizonte. Atualmente a marca produz e vende calçados das grifes Ana Capri, Alexandre Birmann e Schutz.