Tamanho não é documento

Tamanho não é documento

Muitos restaurantes em São Paulo têm apostado em casas cada vez menores – e o motivo vai além da economia. A tendência de proporcionar um clima mais intimista tem agradado aos clientes que não se importam, muitas vezes, em esperar um pouco mais na fila. Aqui, uma seleção de minirrestaurantes que vale a pena incluir no roteiro

Por: Andressa D’ Amato

Bottega Bernacca

Bottega Bernacca

Um achado italiano

Quem passa distraído pela Rua Padre Joao Manuel, nos Jardins, perde a chanc.e de conhecer um dos restaurantes mais charmosos da cidade, o Bottega Bernacca.
O pequeno local, de 50 m2, tem capacidade para 14 pessoas no ambiente interno e, nas mesas na calçada, para mais dez. Há quase dois anos na cena gastronômica, a casa é comandada pelos italianos Gianluca Perino e Davide Bernacca. Recentemente, a marca garantiu um espaço na festejada ilha espanhola de lbiza, onde mantém um restaurante com o mesmo nome e proposta. Para Gianluca, ambientes pequenos exigem tanto quanto os maiores- ou até mais. “Por ser menor, os clientes veem cada detalhe. Nossa cozinha é aberta. A pessoa pode falar diretamente com o chef”. Com a consultoria de Giuseppe Cipriani, no Bottega Bemacca os clientes degustam a legítima pasta italiana e risotos imbatíveis. O Tagliolini gratinati e o Spaghetti à carbonara encabeçam a lista dos pratos mais pedidos. Com um clima bem intimista, próprio para encontros a dois, o empresário não pretende ampliar a casa, mas expandir os negócios. “Temos projetos para uma segunda unidade, mantendo a tradição italiana”, finaliza.

Rua Padre João Manuel, 826
Jardim Paulista 
Tel.: (11) 3586-7103
www.bottegabernacca.com.br

Maíz Arepas & Bar

Maíz Arepas & Bar

Um pedacinho da Colômbia

Comandado pelo chef colombiano Dagoberto Torres, o Maíz Arepas & Bar é o lugar certo para degustar as diversas versões de uma das receitas mais famosas da Colômbia, a arepa – massa de milho com recheio. Com capacidade para 20 pessoas, o diferencial do local são as criações de Dagoberto nas mesas, balcões e até na calçada, no parklet ou na simpática praça, na rua do restaurante. “Queremos incentivar as pessoas a ocuparem as ruas, a usarem bicicleta. O parklet-biblioteca em frente ao Maíz veio ao encontro da nossa proposta”, diz o chef, também à frente do Suri Ceviche Bar. A areperia, inaugurada no ano passado, tem agradado aos paulistanos, que buscam locais com menos formalidade. “Aqui: nada de garçons e talheres. A ideia é realmente descomplicar a relação com a comida”. Entre as sugestões, vale experimentar a Arepa grelhada recheada com pernil e a de Cogumelos e queijo brie. “As arepas fritas com recheio de frango e bochecha de porco também são bem pedidas”. Para o chef, restaurantes menores não são tendência, mas necessidade do mercado. “O custo operacional é muito alto. A tendência é ser mais eficiente”, opina ele, explicando as vantagens. “Conseguimos ter uma relação mais próxima com os clientes, além da parceria com os funcionários. É um trabalho colaborativo, no qual a equipe consegue pensar de forma mais consciente. Não são simples funcionários, eles entendem o Maíz como um todo”.

Rua Mateus Grou, 472
Pinheiros
Tel.: (11) 3034-6551
www.maiz.com.br

Z Deli Sandwich Shop

Z Deli Sandwich Shop

Microponto com grandes surpresas

Com duas casas – uma em Pinheiros e outra num pequeno ponto nos Jardins-, a Z Deli Sandwich Shop é um sucesso. Mas não se engane: nelas, não são encontrados produtos da tradicional delicatessen Z Deli – só, como sugere o nome, um cardápio de sanduíches para todos os gostos.

O microponto, na gastronômica Haddock Lobo, tem capacidade para 13 pessoas, mas o pequeno espaço não é problema para os clientes, que não se incomodam em esperar um lugar, comer em pé ou levar os deliciosos sanduíches para casa. Sob o comando do chef Julio Raw, neto das fundadoras da marca Z Deli, e do sócio Bruno Mester, a casa, além do famoso pastrami Z Deli, produz grandiosos hambúrgueres com ingredientes artesanais, que têm chamado a atenção dos burgermaníacos. Para harmonizar, uma completa carta de drinques. Entre as boas pedidas, vale provar o Joint (hambúrguer com cheddar inglês, bacon da casa, tomate, cebola roxa, picles e alface romana).

Rua Haddock Lobo, 1386
Cerqueira César 
Tel.: (11) 3083-0021

Tenda do Nilo

Tenda do Nilo

Sabores do Líbano

Há 17 anos no mesmo endereço, uma modesta casa de esquina no bairro do Paraíso, a Tenda do Nilo é um dos locais prediletos do paulista para degustar a legítima gastronomia árabe. Comandado pelas irmãs libanesas Olinda e Xmune lsper, o pequeno local, que acomoda 23 pessoas no salão e mais dez nas mesas na calçada, não intimida os clientes, que chegam a esperar até 40 minutos para almoçar aos sábados. Projetos de expansão? Nem pensar. “Não há possibilidade. Você viu como tudo está caro ultimamente? O aluguel, em um local maior, está nas alturas”. Mesmo com a situação difícil do País, a qualidade na Tenda do Nilo se mantém intacta. “Queremos atender bem sempre. Não mudamos nossos produtos nem ingredientes. O padrão será sempre igual”. A cozinha é comandada por Xmune, enquanto Olinda, sempre simpática, fica no salão recepcionando a clientela. Entre as delícias árabes, destacam-se o Fatte (mistura de pão árabe torrado, carne, grão de bico, coalhada fresca, castanha de caju e alho frito) e a premiadíssima sobremesa Mil e uma noites (bolo de semolina com creme à base de nata, pistache e calda árabe).

Rua Coronel Oscar Porto, 638
Paraíso 
Tel.: (11) 3885-0460

Tomates e Bananas

Tomates e Bananas

Ateliê de delícias

Em Moema, o Tomates e Bananas é parada obrigatória dos aficionados por camarão, em especial o rosa graúdo, estrela única da casa. Para experimentar as delícias da chef Clarice Nishigaki, o cliente pode fazer reserva pelo telefone ou site, sem ter de esperar à porta. Afinal, os 30m2 comportam apenas 18 pessoas. “O diferencial é exatamente este: um ambiente intimista e aconchegante, que faz com que o cliente se sinta em casa e tenha uma experiência gastronômica diferenciada”, explica o sócio Décio Martins Silveira Filho. A chef Clarice produz com destreza receitas com o ingrediente-chave da casa, como a Sensações (camarão rosa graúdo ao sal de gengibre, pimenta vermelha em pó, alho e gengibre filetados sobre cama de gorgonzola ao molho de amora com creme de leite, servido com arroz cremoso de parmesão e gorgonzola). Para o empresário, uma das grandes vantagens em gerir um local pequeno é poder dar mais atenção aos clientes e ter mais tempo para criar boas receitas com produtos mais selecionados. “Sem dúvida, restaurantes menores são tendência, especialmente entre as pessoas que têm prazer em cozinhar, já que há mais tempo para produzir pratos mais elaborados. Numa metrópole como São Paulo, os investimentos são pensados com retorno financeiro. Mas o Tomates e Bananas lucra pela grande qualidade em pequena escala.

Alameda dos Nhambiquaras, 1657
Moema
Tel.: (11) 5044-3665
www.tomatesebananas.com.br