O céu é o limite

A Dassault Aviation lança um novo jato de luxo, com cabine mais espaçosa – dá para acomodar até 16 passageiros – e capacidade para mais horas de voo.

Por: Lela Malzone

Privacidade, luxo e conforto. Esses são apenas alguns dos atrativos no novo jato da Dassault Aviation: o Falcon 6X, um twinjet espaçoso, avançado e bastante versátil. Essa nova aeronave de 5.500 nm fará seu primeiro voo no início de 2021 e começará a ser entregue em 2022.

Os motores Pure Power PW800 da Pratt & Whitney Canadá foram selecionados para alimentar o Falcon 6X, que tem cabine espaçosa, silenciosa e muito confortável, além de mais volume de cabine do que qualquer outro Falcon já projetado. “O Falcon 6X oferecerá um mix de alcance, conforto e capacidade que nenhum outro jato de negócios de cabine grande pode combinar, garantindo sistemas totalmente maduros e um power-plant comprovado”, explica Eric Trappier, presidente e CEO da Dassault Aviation.

Espaço de sobra

A cabine do Falcon 6X foi criada com o objetivo de ser a seção transversal mais alta e mais larga em um jato de negócios e possui medidas que impressionam: 1,98 m de altura, 2,58 m de largura e 12,3 m de comprimento. Nela, é possível acomodar acomodar 16 passageiros em três lounges distintos, proporcionando espaço para múltiplas configurações, incluindo uma grande área entre o acesso de entrada da tripulação e um lounge traseiro espaçoso.

O clima aconchegante no interior do jato se deve pela presença das 29 janelas grandes que permitem uma excelente entrada de luz natural e da claraboia na cozinha (algo nunca visto antes na aviação de negócios), projetada para fornecer claridade adicional em uma área geralmente desprovida de luz natural. 

Potência e desempenho

O Falcon 6X atinge a velocidade máxi-ma de Mach 0.90 e uma faixa máxima de 5.500 milhas náuticas (10,186 km). Pode voar de Los Angeles para Genebra, Pequim para São Francisco ou Moscou para Cingapura a uma velocidade de cruzeiro de longo alcance. Também pode conectar Nova York a Moscou, Paris a Pequim ou Los Angeles a Lon-dres em um cruzeiro de Mach 0.85.

Equipado com uma asa que minimiza o impacto da turbulência, esse jato tem um sistema de controle de voo digital que controla todas as superfícies em movimento, incluindo a flaperon (que combina as funções de flap e aileron). Ele também vem com os principais sistemas de supressão de ruído do setor, com base na experiência do novo Falcon 8X, um novo cockpit e a terceira geração EASy III com todo flight deck digital.

Será entregue com um pacote completo de equipamentos, incluindo o pacote de voo eletrônico Falcon Sphere II da Dassault e o sistema de visão combinada Falcon Eye – head up display que combina recursos de visão sintéticos aprimorados. Todos os sistemas Falcon 6X e equipamentos críticos serão validados em terra para assegurar que a aeronave esteja totalmente madura a partir do primeiro dia de entrega.