O coração de cristal da Europa

Praga

Praga, Boêmia, Karlovy Vary… Castelos, igrejas, cristais, música clássica, fontes termais. Con ra a seguir porque uma ida para a República Tcheca irá se tornar, facilmente, uma das viagens mais inesquecíveis de sua vida.

Luciano GarciaPor Luciano Garcia
Agradecimento especial a Mariuccia Ancona Lopez e Fernando Destro, do Czech
Tourism – www.czechtourism.com
Em Praga, às guias Markéta Lášková e Lucie Dudackova


 

As Charmosas Pontes de Praga

Praga

Foto: Luciano Garcia

Um agrádavel passeio para se familiarizar com Praga e se perder pelas pontes da cidade. A Ponte Carlos é a mais antiga da capital e atravessa o rio Moldava da Cidade Velha até a Cidade Pequena. Tem mais de 500 metros e está sustentada por dezesseis arcos. Sua construção começou em 1357, por ordem do rei Carlos IV, e foi fi nalizada no começo do século 15. Foi ornamentada com trinta estátuas barrocas de santos e patronos venerados na época. A grande torre, localizada na Cidade Velha, é uma das construções mais impressionantes da arquitetura gótica. Ainda na Cidade Velha, a praça Venceslau e o Relógio Astronômico são pontos de encontro dos moradores. Vielas com pátios medievais, museus e igrejas fazem do centrinho um passeio imperdível.


 

Tesouros

Foto: Luciano Garcia

Tesouros da Era Medieval

Antigo colégio jesuíta e símbolo da reconquista católica, o Klementinum de Praga é um amplo conjunto barroco localizado no coração da Cidade Velha. Depois da proibição da Companhia de Jesus em 1773, o Klementinum foi convertido na sede de instituições culturais, entre as quais cabe mencionar a Biblioteca Imperial, que mais tarde passaria a ser Nacional. Ao redor das quatro torres estão a Biblioteca Nacional, duas igrejas e três capelas, além de salas de concertos e a Torre Astronômica. A Capela dos Espelhos foi desenhada pelo prestigiado Dientzenhofer e decorada com espelhos, estuque e afrescos da Virgem Maria.


 

 

Castelo de Praga

Foto: Luciano Garcia

O Milenar Castelo de Praga

À primeira vista, o nome engana, pois o Castelo de Praga – que ocupa uma área superior a 72 mil metros quadrados – é  um imenso complexo de construções. Dentro da área do Castelo ficam museus, galerias de arte, jardins, pátios e casas que serviam de moradia, além de uma catedral e um palácio. Uma das construções mais importantes da cidade, foi aberta no século IX e foi residência dos Reis da Boêmia, dos Imperadores do Sacro Império Romano-Germânico, dos presidentes da Tchecoslováquia e de generais nazistas. Atualmente, ali moram os governantes da República Tcheca. A Catedral de São Vito é outra construção que tem uma longa história: começou a ser erguida em 1344, mas só ficou pronta em 1929!


 

Karlovyvary

Foto: Luciano Garcia

Karlovyvary: O refúgio de 007

Fundada como cidade livre no século 14 pelo imperador Carlos IV, Karlovy Vary significa “banhos termais de Carlos” em tcheco. Imerso no vale do rio Teplá, o centro da cidade preserva a arquitetura de sua época de ouro: elegantes colunas sustentam os corredores que unem as fontes de águas termais. Dentre os majestosos estabelecimentos termais e hotéis de luxo, o destaque é o Grande Hotel Pupp, cenário do filme 007 – Casino Royale.


 

Kutna-Horá

Foto: Luciano Garcia

Kutna-Horá: Riqueza Inestimável

Em meados do século 13, Kutna-Horá foi responsável por um terço de toda a prata europeia e já foi o mais rico vilarejo da República Tcheca. Graças à sua importância histórica e às joias arquitetônicas, a cidade foi inscrita na lista do patrimônio mundial da Unesco em 1995. Sua história, marcada por acontecimentos importantes, está viva em todas as ruas, igrejas e casas.