145 anos de Granado

Loja Conceito Granado

Seus produtos fizeram parte do dia a dia de nossas bisavós, avós e pais. E continuam a fazer parte da nossa rotina! Confira a seguir como a Granado conseguiu se reinventar ao longo dos anos e virar um verdadeiro case de sucesso.

Por: Cibele Carbone

José Antônio Coxito Granado

José Antônio Coxito Granado

É só pararmos para pensar por alguns instantes para lembrar de vários momentos em que nossas avós indicaram um produtinho “mágico “para aplicar sobre a pele depois do banho, o Polvilho Antisséptico Granado, que completa 145 anos e continua sendo produzido. “O Polvilho Antisséptico ainda é o carro-chefe da marca. Acredito que ele faz tanto sucesso porque sua fórmula é única e eficaz. Suas propriedades medicinais são reconhecidas no tratamento e na prevenção de frieiras, brotoejas, micoses, assaduras e no combate aos odores da transpiração”, comenta Sissi Freeman, diretora de marketing e vendas da Granado. Mas, provavelmente, lá atrás, quando ele foi lançado, ninguém imaginava que sua fama iria passar de geração para geração.

Pontapé inicial

A Granado foi fundada em 1870, no Rio de Janeiro, pelo português José Antônio Coxito Granado e ficava localizada na então rua Direita, no centro da capital fluminense. Inicialmente, a empresa funcionava como farmácia de manipulação e fazia produtos com extratos vegetais de plantas, ervas e flores brasileiras cultivadas no sítio do seu fundador, em Teresópolis (RJ). Além desses medicamentos, Coxito importava produtos da Europa e adaptava as fórmulas para as necessidades dos brasileiros.

A qualidade dos produtos se espalhou pelo Rio de Janeiro e, em pouco tempo, a Granado se tornou uma das fornecedoras oficiais da Corte brasileira, o que aproximou Coxito e sua empresa da Família Imperial e fez surgir uma amizade com o imperador Dom Pedro II, que em 1880 conferiu à Granado o título de Farmácia Oficial da Família Real Brasileira.

Em 1903, João Bernardo Granado, irmão de Coxito, criou o Polvilho Antisséptico. Sua fórmula, que teve registro aprovado por Oswaldo Cruz – famoso médico sanitarista brasileiro, pioneiro do estudo das moléstias tropicais –, permanece inalterada até hoje.

Durante o período republicano, a Granado manteve seu status e conquistou, entre outros, o jurista Rui Barbosa, o prefeito do Rio de Janeiro Francisco Pereira Passos e o abolicionista José do Patrocínio. Com o crescimento da empresa, em 1912, a farmácia expandiu para um prédio na Rua do Senado, onde hoje ainda funciona uma das suas fábricas. A primeira filial da Granado foi inaugurada em 1917, na rua Conde de Bonfim, na Tijuca (RJ). Em 2007, a farmácia ganhou endereços nos bairros do Leblon (RJ) e Jardins (SP). No ano seguinte, veio o e-commerce (www.granado. com.br) e, em 2009, a loja da Rua do Lavradio (RJ) e a expansão da loja da Rua Primeiro de Março.

Granado

Panorama geral da linha de produção de uma das antigas fábricas da empresa

Prestígio centenário

Manter o prestígio de uma marca durante tanto tempo não é tarefa fácil. Mas, para Sissi Freeman, isso só foi possível devido à qualidade dos produtos. “Conseguimos atravessar mais de um século no mercado oferecendo produtos com qualidade superior. Outro diferencial é que os produtos da Granado são desenvolvidos para o tipo de pele dos brasileiros e nosso clima úmido. Além disso, somos uma marca tradicional e os produtos passaram por gerações de brasileiros, marcando suas memórias afetivas.”

Depois de três gerações com a família Granado, a farmácia hoje é presidida pelo inglês Christopher Freeman. Em 2004, já sob seu comando, a Phebo – marca fundada em 1930, em Belém, por Antonio e Mario Santiago – foi incorporada à empresa, bem como os produtos que fabricava.

Foi durante essa nova fase que toda a identidade visual da Granado foi alterada, sem perder sua essência. Essa mudança foi essencial para deixar a marca mais competitiva e atrair novos consumidores. “Em feiras internacionais, os compradores ficavam encantados com a qualidade dos produtos e a história da marca, mas as embalagens não os valorizavam. Percebemos que não existia harmonia entre as linhas, o que dificultava reconhecimento dos outros produtos da marca no ponto de venda. A logomarca era usada de maneira diferente em cada linha, as fontes não eram padronizadas, as embalagens eram muito coloridas para um produto natural…”, diz a diretora de marketing.

Polvilho Antisséptico Granado

Polvilho Antisséptico Granado

A mesma empresa, um novo design.

Para criar a nova identidade visual, a Granado contratou, em 2004, o designer francês Jerome Berard, baseado em Nova York, que tinha experiência com marcas antigas do ramo da beleza, como Kiehl’s e Bigelow’s. “Fizemos um extenso trabalho de pesquisa no acervo de rótulos, frascos, propagandas, livretos e receituários. Entre diversas mudanças, a nova logomarca ganhou a palavra ‘Pharmácias’ com PH, que remete ao português antigo da época da fundação da empresa. Incluímos também o ‘desde 1870’, já que poucas empresas têm tanta história, e escolhemos a cor verde escuro, uma cor tradicional que remete ao natural.” Outra reviravolta foi a inauguração da loja-conceito, em 2005, no mesmo endereço da primeira farmácia da marca. Dessa forma, a Granado fincava os pés definitivamente no século 21, com a modernização do espaço, mas sem deixar para trás sua história. Vitrines originais, almofarizes, balanças, propagandas de época, quadros e embalagens centenárias se destacam na decoração. Uma releitura de uma mesa de manipulação expõe os produtos. Hoje, todas as lojas da marca seguem esse mesmo conceito.

E o futuro?

Em 145 anos, a Granado conseguiu manter a qualidade dos produtos e a idoneidade da marca. O que esperar para os próximos anos? Crescimento! Com 1200 colaboradores, estão construindo uma nova fábrica de 30.000 m2, em Japeri (RJ), com instalações e equipamentos modernos, e fecham o ano de 2015 felizes da vida, com a abertura – só este ano – de seis lojas próprias, totalizando 44 lojas-conceito em todo o Brasil.

Produtos Granado

As embalagens dos produtos Granado foram reformuladas, sem deixar de lado o aspecto vintage