Primeiro life center do Brasil une área verde, serviços e lazer

Shopping do futuro, que tem foco em sustentabilidade, saúde e qualidade de vida, será inaugurado na Chácara Santo Antônio em 2019

Cada vez mais, os empreendimentos comerciais se preocupam com o consumo consciente. Os novos modelos de negócios atuais estão buscando o equilíbrio entre prestação de serviço para os clientes e pilares como a sustentabilidade e a qualidade de vida. Este é o propósito do Shopping Parque da Cidade, em São Paulo, que traz o conceito de life center para o Brasil.

O conceito une a comodidade de um centro comercial com a tranquilidade de um parque, com direito a áreas verdes, lojas, praça de alimentação e um grande espaço para saúde e bem estar.

O empreendimento é o primeiro da América do Sul a receber certificação LEED nível Silver (Neighborhood Development), do US Green Building Council, que confirma que o espaço oferece qualidade de vida, integração entre as pessoas e desenvolvimento urbano sustentável.

Ao todo, serão 120 lojas com inúmeros serviços, como spa, clínicas de estética, clínica odontológica, lavanderia e casa de câmbio, entre outros. O complexo com dez edificações, sendo seis torres corporativas e duas residenciais. Pelo menos 2500 m² serão dedicados à saúde, com uma inédita Clínica Einstein.

A praça de alimentação já teve 100% dos seus espaços comercializados. Restaurantes como Madero, Vivenda do Camarão, Spoleto, Burger King, Hiro, Kharina, Calle 54, Boali e Café Creme estão confirmadas. Em outros segmentos, as marcas Samsung, Miniso Japan, Hirota Express e Cacau Show também já garantiram presença. Estima-se que 65% da área bruta locável já foi negociada.

Também não irá faltar entretenimento no complexo, que contará com seis salas de alto padrão da Kinoplex e área verde interna.

Os acessos pelo transporte público também são destaque: o Shopping Parque da Cidade está ligado às principais vias da região, além de estar próximo às estações de trem da CPTM e também da estação da linha lilás e da linha ouro do metrô, que ligará ao Aeroporto de Congonhas.